Práxis Educativa

A Revista Práxis Educativa, editada sob a responsabilidade do Programa de Pós-Graduação em Educação (Mestrado e Doutorado), da Universidade Estadual de Ponta Grossa, tem como objetivo publicar trabalhos que contribuam para o seu campo específico de investigação e que possam servir de referência para outros trabalhos de pesquisa.
 

Imagem para capa da revista
gosip rumahan berita terkini windows gadget toko game

Notícias

 

Chamada de artigos e resenhas para dossiê: Educação física escolar no contexto da inclusão e diferença

 
 

Universidade Estadual de Ponta Grossa

Programa de Pós-Graduação em Educação

Revista Práxis Educativa

 

Chamada de artigos e resenhas para dossiê

 

1 - Título: Educação física escolar no contexto da inclusão e diferença

 

2 - Editores convidados:

Gilmar de Carvalho Cruz (UNICENTRO e UEPG)

Silvia Christina de Oliveira Madrid (UEPG)

David Rodrigues - Universidade de Lisboa, ONG Pró - Inclusão.

 

3 - Prazo de submissão: de 1º de janeiro de 2016 a 31 de maio de 2016

 

4 - Previsão de publicação: 1º semestre de 2017

 

5 - Tipos de textos esperados:

- Artigos inéditos que se enquadrem na temática do dossiê

- Resenhas de livros sobre o tema do dossiê, publicados nos últimos 5 (cinco) anos

 

6 - Justificativa:

No cenário educacional brasileiro, o processo de escolarização de pessoas que apresentam condições peculiares de aprendizagem gera intenso debate de ordem acadêmico-profissional e política. Tal debate tem como foco as pessoas com deficiência, as necessidades especiais ou diversidade humana, sendo possível observar discussões com entradas distintas para se abordar o referido tema.

 

Aspectos relacionados às políticas educacionais, à formação profissional e à prática pedagógica, por exemplo, se entrecruzam e geram tensionamentos que traduzem um movimento histórico dinâmico e complexo a desafiar recorrentemente nosso sistema de ensino.

 

A Educação Física, na condição de componente curricular que caracteriza um campo de intervenção profissional academicamente sustentado, participa sistematicamente desse debate. De um lado, é visível sua contribuição como componente curricular a promover a ampliação do espaço de relação socioeducacional de pessoas que explicitam demandas específicas em seus processos de escolarização, por intermédio de seus conteúdos de referência (esporte, jogos, ginásticas, lutas, danças). Por outro lado, a produção de conhecimentos decorrentes de dissertações e teses, desenvolvidas em Programas de Pós-Graduação em Educação Física e  em Educação, problematizam as implicações resultantes do efetivo envolvimento do campo nessa questão. Em um nível mais específico, o Grupo de Trabalho Temático (GTT) Inclusão e Diferença, vinculado ao Colégio Brasileiro de Ciências do Esporte (CBCE) bem ilustra como as dimensões profissional, política e acadêmica se entretecem, a partir da inquietação já há algum tempo deflagrada por uma perspectiva educacional inclusiva.

 

Para além da ideia de desafio, a Educação Inclusiva encerra contundente crítica a um sistema de ensino que insiste em ignorar as inequívocas diferenças, quaisquer que sejam, as quais se expressam por ocasião da presença dos (as) alunos (as) que frequentam nossas escolas. A Educação Inclusiva provoca os sistemas de ensino na direção do aprimoramento de sua função e compromisso sociais com vistas ao desenvolvimento humano.

 

Nesse sentido, esse dossiê tem a expectativa de receber artigos que contribuam para avançar na interlocução da Educação Física com a problemática da Educação Inclusiva.

 

As diretrizes para autores podem ser encontradas no site da revista: http://revistas2.uepg.br/ojs_new/index.php/praxiseducativa/about/submissions#onlineSubmissions

 

Contato: praxiseducativa@uepg.br

 

Informações adicionais:

1 – Todas as submissões devem ser feitas no sistema da revista. Artigos enviados fora do sistema não serão avaliados.

 

2 – O processo de avaliação dos artigos e resenhas obedecerá todos os critérios explicitados no site da revista (Processo de avaliação pelos pares), incluindo a avaliação preliminar sobre a pertinência ou não do artigo ao tema do dossiê.

 

3 – Cuidados especiais devem ser observados pelos autores com relação às questões éticas. Caso a pesquisa que originou o artigo tenha sido revisada por Comitê de Ética, essa informação deve ser mencionada. Caso não tenha sido revisada, o(s) autor(es) devem explicitar no artigo como trabalharam com as questões éticas na pesquisa. Antes de submeter o artigo, o autor(es) deve(m) tomar conhecimento do texto das Diretrizes para autores, das questões éticas da revista e tomar conhecimento do documento do CNPq – Ética e integridade na prática científica (http://www.memoria.cnpq.br/normas/lei_po_085_11.htm), citado nos compromissos éticos da revista.

 

4 – Os autores com textos aprovados (artigos e resenhas) serão orientados com relação à revisão de Língua Portuguesa e dos resumos em Inglês e Espanhol, a qual é feita por empresa indicada pela revista.

 

Diretrizes para Autores (retirado do site da Revista):

a) O artigo ou resenha deverá ser inédito no Brasil.

 

b) O artigo deve representar uma contribuição relevante para o campo específico de investigação, devendo apresentar referencial teórico consistente, argumentação clara e explícita e correção de linguagem. O trabalho precisa evidenciar que possui potencial e consistência suficiente para servir de referência para trabalhos de outros pesquisadores.

 

c) Extensão: os artigos deverão ter de 20 (vinte) a 25 (vinte e cinco) páginas, em espaço 1,5; margens inferior e superior de 2,0 cm e margens direita e esquerda de 2,5 cm; em folha formato A4. As resenhas deverão ter entre 4 a 7 páginas, com a mesma formatação, restritas a livros publicados nos últimos 5 anos.

 

d) Os textos deverão ser redigidos preferencialmente em língua portuguesa. A revista publicará também textos em francês, inglês e espanhol e, nesse caso, os textos deverão ser acompanhados de um resumo em português.

 

e) Os artigos deverão trazer um título que corresponda com clareza à ideia geral do trabalho.

 

f) Resumo: máximo de 10 linhas (150 palavras), contendo informações sobre os objetivos, procedimentos metodológicos, referenciais teóricos e resultados. O resumo deverá apresentar 3 (três) palavras-chave. O resumo deverá ser enviado em língua portuguesa, em inglês e em espanhol.

 

g) No caso de artigos elaborados a partir de dissertações e teses, é necessário indicar o nome e titulação do professor orientador.

 

h) Caso a pesquisa tenha apoio financeiro de alguma instituição, esta deverá ser mencionada.

 

i) Os trabalhos deverão ser submetidos sem identificação de autoria, via sistema de submissão online. Solicitamos aos autores que, ao submeterem o artigo ou resenha, preencham o cadastro completo (metadados).

 

j) As tabelas, gráficos, fotografias e demais imagens serão impressas em preto e branco e, portanto, devem ser encaminhadas nessa configuração. Em todos os casos, deve haver referência aos créditos ou fontes das mesmas.

 

k) As notas bibliográficas deverão seguir as normas da ABNT.

 

Questões éticas:

A Revista Práxis Educativa possui um compromisso com o cumprimento de questões éticas relacionadas aos artigos publicados e ao processo de avaliação e publicação. De modo geral, as decisões e procedimentos éticos baseiam-se nos seguintes documentos:

 

- Resolução CNE nº 466/2012 (Ética na Pesquisa com seres humanos);

- Manual da APA (Editora Penso, 2012);

- Documento do CNPq – Ética e integridade na prática científica (http://www.memoria.cnpq.br/normas/lei_po_085_11.htm);

- Orientações e discussões do COPE – Committee on Publication Ethics. Promoting integrity in research publication (www.publicationethics.org).

 

1 – Quanto aos artigos

- Caso o artigo tenha sido submetido à Comitê de Ética (sistema CEP/CONEP ou outro sistema), solicitamos aos autores que mencionem no corpo do artigo (por exemplo, em nota de rodapé).

- Os editores, na análise preliminar, buscam identificar os cuidados éticos utilizados na pesquisa e solicitam aos avaliadores que também o façam.

 

2 – Quanto a autoria

A revista recomenda que os autores e coautores discutam abertamente a ordem de autoria e os coautores a serem incluídos no artigo. Os autores devem ter em mente o itens 17 e 20 do documento do CNPq (Ética e integridade na prática científica): 17 - Somente as pessoas que emprestaram contribuição significativa ao trabalho merecem autoria em um manuscrito; 20 - Os autores devem ser capazes de descrever, quando solicitados, a sua contribuição pessoal ao trabalho.

 

3 – Plágio e autoplágio

A editoria da revista pode utilizar sistema de programa de controle de plágio, antes de enviar artigos para os avaliadores.

 

Antes de submeter o artigo, os autores devem certificar-se de que todas as ideias de outros autores estão devidamente citadas e incluídas na lista de referências.

 

Com relação ao autoplágio, indicamos que o artigo deve constituir-se em contribuição original e citações de trabalhos anteriores do autor devem ser citadas quando necessárias para a compreensão do artigo inédito no que se refere a teoria ou metodologia (conforme Manual da APA).

 

4 – Processo de avaliação

- Durante o processo de revisão, o artigo submetido é entendido como um documento confidencial (Manual da APA). Os editores e avaliadores não podem citar ou circular cópias dos artigos para nenhum propósito (Manual da APA).

- Só serão avaliados artigos devidamente inseridos no Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas (SEER). Do mesmo modo, todos os processos de avaliação só serão considerados válidos se forem realizados via esse sistema.

- Todos os artigos serão avaliados por dois pareceristas. No caso de pareceres contraditórios, serão solicitados outros pareceres.

- As datas de submissão de artigos, data de recebimento da versão final e data de aceite serão extraídas do SEER, sendo vedada qualquer alteração.

- No caso das chamadas de artigos para dossiês, a revista obedecerá todos os itens citados na chamada.

 
Publicado: 2015-12-10 Mais...
 

Compatibilidade do site

 

Este site é melhor visualizado com o navegador Mozilla Firefox. Em outros navegadores, podem ocorrer imperfeições gráficas.

 
Publicado: 2012-11-26 Mais...
 
Outras notícias...