O DESEMPREGO NO BRASIL NA DÉCADA DE 1990

  • Eliane Lopes da Silva UEPG
  • Lucia Cortes da Costa UEPG

Resumo

O desemprego é um fenômeno presente na sociedade capitalista, com conseqüências na esfera social e econômica, afetando a vida dos trabalhadores. O Brasil na década de 1990 passou a conviver com taxas elevadas de desemprego aberto em decorrência da política econômica adotada no período, marcada por uma tendência liberal de abertura da economia. O segmento juvenil foi o mais afetado pelo desemprego, devido ao acirramento da concorrência no mercado de trabalho pelas vagas existentes dada a dificuldade para a criação de novos postos de trabalho na economia.PALAVRAS-CHAVE: desemprego, mercado de trabalho, trabalhadores.

Biografia do Autor

Eliane Lopes da Silva, UEPG
Assistente Social, foi mestranda do Programa de Ciências Sociais Aplicadas, professora do curso de Serviço Social da UEPG
Lucia Cortes da Costa, UEPG
Assistente Social, foi mestranda do Programa de Ciências Sociais Aplicadas, professora do curso de Serviço Social da UEPG
Seção
Artigos