Bernstein e a classe média

  • Sally Power Cardiff University (País de Gales)
  • Geoff Whitty Institute of Education – University of London
Palavras-chave: Basil Bernstein, Classe média, Biografias educacionais

Resumo

Este artigo explora as contribuições de Basil Bernstein para a discussão sobre educação e classe social e, de forma particular, a relevância de seu trabalho para a compreensão da classe média britânica. Bernstein é um dos poucos sociólogos da educação a reconhecer e explorar as diferenças e tensões no interior da classe média. Partimos da discussão, em linhas gerais, de algumas das influências da teorização de Bernstein sobre classe social e, em seguida, sublinhamos suas principais idéias acerca da relação entre classe média e educação. Investigamos, então, a relevância do seu trabalho para a pesquisa sobre educação e diferenciação no interior da classe média, partindo dos dados obtidos no nosso projeto “Destinados para o Sucesso”. Esse projeto traçou as biografias educacionais de 300 jovens, homens e mulheres, desde o início da sua promissora carreira educacional na escola secundária até os 25 anos de idade. Sustentamos que as distintas disposições e orientações da “nova” e da “velha” classe média propostas por Bernstein são evidentes nas preferências paternas por tipos de escolas, processos de engajamento dos alunos e, por fim, nas identidades diferenciadas da classe média. Palavras-chave: Basil Bernstein. Classe média. Biografias educacionais. Abstract This paper explores Basil Bernstein’s insights into education and social class, and in particular the relevance of his work for understanding the British middle class. Bernstein is one of the few sociologists of education to recognise and explore differences and tensions within the middle class. We begin by exploring some of the influences of Bernstein’s theorization of social class in general, and outline his main ideas on the relationship between the middle class and education in particular. We then examine the relevance of his work for research on education and middle-class differentiation through drawing on data from our ‘Destined for Success’ project. This project traced the educational biographies of 300 young men and women from the beginning of their promising educational secondary school career to their mid-twenties. We argue that the distinctive dispositions and orientations of the ‘new’ and ‘old’ middle class proposed by Bernstein are evident within parental preferences for types of school, processes of student engagement and, ultimately, differentiated middle-class identities. Keywords: Basil Bernstein. Middle Class. Educational biographies.
Publicado
2009-05-28
Seção
Artigos