Atividades educativas emancipadoras

  • Ivo Tonet Universidade Federal de Alagoas
Palavras-chave: Emancipação humana, Educação, Atividades educativas, Human emancipation, Education, Educational activities, Emancipación humana, Educación, Actividades educativas

Resumo

Pode a educação, na atual situação da sociedade capitalista, contribuir para a emancipação humana? O objetivo deste artigo é defender a ideia de que não é possível organizar a educação em sua forma e seus conteúdos, de modo geral, para que ela contribua para a construção de uma sociedade plenamente emancipada. Contudo, na medida em que a sociedade capitalista tem, em sua essência, uma contradição entre capital e trabalho, entendemos que é possível organizar, no interior da própria dimensão educativa, atividades que contribuam para a transformação radical do mundo e para a construção de uma forma de sociabilidade para além e superior ao capitalismo. Palavras-chave: Emancipação humana. Educação. Atividades educativas. Abstract Emancipatory educational activities Can education, in the current status of the capitalist society, contribute to human emancipation? The aim of this paper is to defend the idea that generally it is not possible to organize education in its form and its content in order to contribute to the construction of a fully emancipated society. However, to the extent that capitalist society presents, in essence, a contradiction between capital and labor, we believe that it is possible to hold, within its own educational dimension, activities that contribute to the radical transformation of the world and to the construction of a form of sociability that goes beyond and is superior to capitalism. Keywords: Human emancipation. Education. Educational activities. Resumen Actividades educativas emancipadoras Puede contribuir la educación para la emancipación humana, en la situación actual de la sociedad capitalista? El objectivo del presente artículo es defender la idea de que no es posible organizar la educación, en su forma e sus contenidos, en general, para que contribuya a la construcción de una sociedad plenamente emancipada. Sin embargo, en la medida en que la sociedad capitalista tiene en su esencia una contradición entre capital y trabajo, entendemos que es posible organizar en el interior de la propia dimensión educativa activadades que contribuyam a la transformación radical del mundo y a la construción de una forma de sociabilidad además e encima del capitalismo. Palabras clave: Emancipación humana. Educación. Actividades educativas.
Publicado
2014-04-01